Dicas para manter a saúde mental em casa se você é estudante

Quer você tenha voltado para seus pais ou permanecido em seu estúdio, viver em confinamento está longe de ser fácil! Quando somos jovens, temos dificuldade em aceitar o fcto de não podermos sair quando queremos e onde queremos! Para evitar a depressão, elaboramos 4 dicas para você viver seu confinamento como estudante.

  1. MANTER UM VÍNCULO SOCIAL

Na verdade, quando você é jovem e estudante, você faz muitas coisas com seus amigos, vivemos nossos melhores anos, nossa melhor vida. 

Mas quando chega o confinamento, tudo pára… Porém, isso não significa que o confinamento deva ser sinônimo de solidão! 😉

É importante manter o vínculo social para não perder o equilíbrio.

Existem diferentes maneiras de cuidar e manter o vínculo com as pessoas próximas a você apesar da distância, ou mesmo de trocar com novas pessoas.

Ouvimos muito sobre aperitivos de vídeo ! FaceTime, Whatsapp, Messenger, Skype… todas as ferramentas estão lá. Planejados com antecedência ou de forma inesperada, eles permitem que você se reúna e se divirta com a família ou amigos, respeitando as regras do distanciamento social. 

O melhor é tentar estabelecer uma pequena rotina com seus entes queridos para manter o vínculo.

Então se atreva a se envolver em jogos online. Eles permitem que você se divirta coletivamente. A oportunidade de se divertir e se divertir. 

Por exemplo, você pode iniciar um jogo de lobisomem com seus amigos ou até mesmo estranhos. Riso garantido!

  1. MANTENHA UMA ROTINA

Os alunos estão familiarizados com o confinamento: os primeiros dias costumam ser sinônimos de cabelos oleosos, pijamas velhos e séries acorrentadas. 

Podemos criar larvas por dias, mas depois de um tempo nossa sanidade pode piorar. 

Por isso é importante criar uma rotina, ter hábitos regulares. 

Entre esses hábitos, podemos fazer uma lista daqueles que parecem ser os mais importantes para tornar um dia típico para os dias da semana:

  • Defina um despertador (exceto fins de semana, obviamente)
  • Se vista como sair
  • Fazer cursos
  • Prepare uma refeição balanceada
  • Faça uma pequena caminhada (no limite de um km) e aproveite para ligar para um amigo
  • Revisar / fazer cursos
  • Faça um pequeno treino online (ao vivo é ainda mais motivador)
  • Encontre-se com amigos para um “aperitivo visio”
  • Prepare você mesmo outra refeição boa e balanceada
  • Assista a uma série ou leia um bom livro

 

A distinção entre a semana e o fim de semana é o elemento essencial para uma contenção bem-sucedida. O ideal é usar uma agenda para organizar bem suas semanas e manter essa fronteira apertada.

  1. RECARREGUE SUAS BATERIAS SOZINHO

Para os alunos que passam o confinamento com a família ou comunidade, a vida às vezes pode ser estressante. Muitas vezes têm que enfrentar e cumprir um cotidiano que esqueceram.

Em alguns casos, é uma oportunidade para (re) forjar laços fortes com a família ou entes queridos. Por outro lado, para outros, pode ser mais complicado. 

Nesse caso, o importante é manter a calma e se comunicar de forma não violenta. Quando você estiver com muita raiva, não hesite em reservar um momento para se isolar. Precisamos recarregar as baterias sozinhos às vezes e quando for necessário, não devemos esperar. 

Peça às pessoas que moram com você que respeitem sua necessidade de ficar a sós por alguns momentos e tenha o cuidado de fazer o mesmo com elas.

  1. FAÇA CURSOS MESMO REMOTAMENTE

Sabemos que as condições não são ideais para concentração e aprendizado, mas teremos que conviver com isso. Para esta última etapa, é fundamental antes de tudo montar um espaço dedicado ao trabalho.

Trabalhar fora da cama de pijama não permitirá que você se concentre adequadamente. 

Organização é uma das chaves para revisar, fazer cursos a distância e ter sucesso! É preciso colocá-lo em prática desde os primeiros dias para cumpri-lo, ser rigoroso e eficiente. É aqui que a agenda ressurge.😉

Se você achar difícil revisar sozinho, sinta-se à vontade para criar grupos com seus colegas. Assim, vocês podem se ajudar e se motivar.

Se quiser voltar para nossa página inicial clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *